As chuvas de fevereiro

Rua coberta por água da chuva
Imagem: PublicDomainPictures. Licença (CC0 1.0).

E aí galera, como vai? Acho que nunca vi um mês de fevereiro ser tão chuvoso quanto esse de 2019. Foram, praticamente, duas semanas de chuvas intensas. A chuva é sempre bem-vinda, mas, quando vem em demasia, acaba causando estragos: e foram muitos, em minha cidade e na região.

Dizem que o ano só começa depois do carnaval, então essa chuva veio para lavar a alma de todo mundo, para o ano iniciar de vez, além de trazer um pouco de trabalho para consertar tudo aquilo que as águas estragaram. Ah, meu ano também “vai começar” depois do carnaval, pois agora algumas questões pessoais, de cunho empregatício, foram resolvidas. Agora tenho meu tempo livre de volta!

Por conta da escassez de tempo, consegui postar apenas uma resenha. Sendo assim, o ranking de fevereiro será tão vazio quanto o de janeiro. Mas, como tradição é tradição, vamos ver esse ranking mensal, afinal, um concorrente não quer dizer nenhum concorrente.


Capa do livro Memórias póstumas de Brás Cubas Panda1° Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis (Panda Books, 2018): Um dos maiores clássicos da literatura brasileira. É considerada uma obra muito importante por dos motivos. Primeiro: marcou o início do realismo na literatura brasileira, houve uma quebra com o romantismo e o naturalismo, que reinavam absolutos na literatura brasileira no século XIX. Segundo: foi uma obra que apresentou uma narrativa não-linear, algo pouco comum naquela época, o que foi bastante inovador e até causou estranheza. O defunto Brás Cubas, protagonista da obra, narra sua história de forma crítica e sem medir as palavras, expondo a realidade como ela é, ou seja, um mundo cheio de defeitos, de relacionamentos problemáticos, onde há muita ganância e sede pelo poder. Apesar de se tratar de uma obra antiga, a edição da Panda Books a deixa um tanto quanto mais rejuvenescida. Há inúmeras notas explicativas, explicando não apenas os significados de palavras, mas também contextualizando o leitor no momento histórico e social da narrativa. Uma edição recheada de ilustrações, que dá uma nova luz a esse eterno clássico. Leia minha resenha AQUI.


Como foi o seu mês de fevereiro? Me conte aí nos comentários!

Fique ligado no blog, ainda há muitas surpresas para o ano de 2019!

Obrigado pela visita.

Alan Martins


Parceiro
Livros mais vendidos Amazon
Clique e encontre diversos livros em promoção!

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Autor: Alan Martins

Graduado em Psicologia. Amante da Literatura, resenhista e poeta (quando bate a inspiração). Autor e criador do Blog Anatomia da Palavra. Não sou crítico literário, porém meu pensamento é extremamente crítico. Atualmente graduando em Letras.

11 pensamentos

    1. Olá! Como vai? Espero que bem!

      Estou bem, apesar de todos os problemas pelos quais o mundo passa. 2022 não começou fácil. Esses problemas que ocorrem em outros países também causam efeitos negativos por aqui. Já enfrentamos uma pandemia, agora surgem esses conflitos geopolíticos. Nada fácil.

      Espero que a situação possa se resolver logo, e de maneira pacífica. Ninguém quer guerra, a população não merece isso. Também espero que a situação da pandemia termine em breve. Tempos difíceis, mas vamos conseguir sair disso. Tenho esperança de dias melhores.

      Obrigado pelas palavras e pela visita. Espero que você fique firme, que tenha muita saúde e paz para superar esse momento. O mesmo para seus amigos e familiares.

      Abraço.

      Curtido por 1 pessoa

      1. É amigo,para mim a passagem foi tranquila mas,já poucos dias depois,parecia continuação dos últimos anos.E talvez seja,já cheio de problemas,mas com problemas que ainda nem tinham explodido,nos últimos anos.Quando a gente acha que no novo ano os problemões dos últimos anos vão se resolver,aparecem problemas mais terríveis e estressantes,assim como essa guerra.Eu fico muito sentida por todos os inocentes que ficam no meio desse problema causado pelos grandes poderosos.Na minha opinião,não sei se estou certa,até os inocentes da própria Rússia,que não quiseram esta guerra,estão sofrendo com tudo o que os poderosos estão impondo de dificuldades e restrições em diversos sentidos o mundo inteiro.Enquanto isso,esses poderosos,da Rússia e dos outros países envolvidos,ficam cada vez mais poderosos,de um jeito ou de outro.As restrições,pelo menos neste primeiro momento,não impediram que o poderoso da Rússia continuasse atacando a Ucrânia.Olha,eu não consigo acreditar em nenhum desses poderosos,nem mesmo no da Ucrânia.Afinal,esta guerra não surgiu agora,ela já vem sendo bem desenvolvida há anos,e com certeza os dirigentes dos outros países já sabiam bastante e deixaram explodir.Não sei se todo esse meu modo de pensar estâ correto,mas,pelo que soube pelas notícias,nos jornais,acho que não devo estar tão errada.Desculpe pelo desabafo,Alan.Obrigada pelo seu retorno,sua amizade,sua atenção.Que todos os problemas que atacam mais e tão fortemente os seres que querem e precisam “só” sobreviver neste mundo tão negativamente marcado pelos “poderosos” sejam totalmente solucionados,e da melhor forma,para todos esses que sempre sofrem,nas mãos de todos esses poderosos malvados possam,enfim,viver.E viver com tudo o que é preciso e desejado.

        Curtido por 1 pessoa

      2. Obrigada amigo.Além dos nossos problemas do dia a dia,ainda somos de alguma forma atingidos por todos esses problemas mundiais.É estranho,parece que estes problemas são tão distantes de nós,mas acabam nos atrapalhando,e muito.Já pagamos muito caro com a saúde,com a vida,nesta pandemia,agora vamos pagar mais caro,pelo menos,pela comida.E já estávamos pagando caro pela comida.Mais outras coisas ainda que vamos pagar mais caro.

        Curtido por 1 pessoa

  1. Oi,amigo Alan!Agora,que te escrevo,é 27 de Fevereiro de 2022.Está um terror!Guerra entre Rússia e Ucrânia,que está deixando o mundo inteiro de cabelo em pé e já bastante mortos na Ucrânia,mortos estes infelizmente feitos assim pela Rússia.Ainda estamos em uma pandemia,ainda não acabou,embora já tenha muitos vacinados.Já teve muitos mortos pelo vírus cruel,que provocou esta pandemia.Muita chuva no Brasil,causando muitos,mas muitos estragos terríveis,e mortos também.Bem,no começo de 2022 caiu um pedaço de Rocha
    que é de turismo.Morreram mais alguns,neste acidente natural.Época muito difícil.Morte,doença,guerra,fome…

    Curtido por 1 pessoa

  2. Por aqui choveu (chove) intensamente quase todos os dias… aliás, está mais fácil contar os dias sem chuva, mas eu não reclamo, mesmo com os excessos. Gosto de dias sem sol… deixa tudo mais apetitoso, dos ingredientes que levo para a cozinha e os que tornam a vida mais singular.
    Que o seu ano seja novo-agradável… e produtivo.
    bacio

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s